;

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Novidades dos mangás: One Piece 737

Vou fazer um novo modelo de novidades dos mangás recém-lançados. Cuidado, se você só assiste o anime ou ainda não leu o capítulo, isso aqui está cheio de SPOILERS!

Na visão geral podemos dizer que o capítulo 737 de One Piece foi uma revelação de poderes.

No palácio de Dressrosa, o chefe dos oficiais Pica ataca Luffy, Zoro, Kinemon e Viola. Viola diz que ele comeu a Ishi Ishi no Mi, que o torna capaz de se fundir e controlar pedras.


No Coliseu Corrida, Burgess mostrou ser mais habilidoso do que pensávamos. Ele destruiu um peixe-lutador chefe com apenas um golpe, que ainda por cima abriu um vácuo na arena e destruiu parte da plateia. O narrador anuncia que os Piratas do Barba Negra possuem o apoio dos chamados "Dez Capitães Colossais", provando que Teach e seu bando ficaram muito mais poderosos durante o TimeSkip.


Ainda no Coliseu Corrida, Sabo conseguiu pegar o baú com a Mera Mera no Mi. Burgess resolveu atacá-lo, mas Sabo mostrou sua força. Um único ataque foi capaz de barrar o mesmo poder que Burgess havia usado antes e ainda destruir sua armadura. O ataque, na tradução, se chama "Garra do Dragão". Teorias sobre a origem desse ataque?


Usopp, Robin e os anões conseguem invadir a Torre dos Oficiais. Lá Cavendish é transformado em um boneco. Sugar revela que Trébol comeu a Beta Beta no Mi, tornando-se um "homem-grudento". O anão Leo revela o plano para abater Sugar. Ele pretende colocar uma "tatababasco", uma pimenta super-ardida, em meio as uvas que Sugar adora comer. Se ela desmaiar todos os brinquedos voltam ao normal.



E assim termina o capítulo.

Créditos das imagens com tradução: One PieceEX

O que vocês acharam?

Até a próxima postagem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário