;

quinta-feira, 15 de março de 2012

As Constelações de Cavaleiros do Zodíaco

Cavaleiros do Zodíaco é um dos maiores mangás já lançados. Como todos os fãs da série devem saber (até quem não é fã deve saber), cada cavaleiro ou amazona tem uma armadura representando cada constelação. Mas muitos se perguntam o que são essas constelações. Eu não sou astrônomo e nem acredito que signos influenciam na nossa vida, mas gosto muito de mitologias antigas. Então eu estou aqui para explicar as constelações presentes do animangá Cavaleiros do Zodíaco (pelo lado mitológico, é claro!).
Como iria dar uma postagem muito grande, eu vou dividi-la em partes. Esta é a primeira:


Cavaleiros de Bronze


Pégaso (Pegasus)


A constelação da armadura do protagonista, Seiya. Pégaso é o lendário cavalo branco com asas da mitologia grega. Ele foi um presente dos deuses para Belerofonte, que deveria usá-lo para eliminar a Quimera. A deusa Atena lhe deu as Rédeas de Ouro, para Belerofonte, já quem sem isso ninguém conseguiria montá-lo. Depois que o herói derrotou a Quimera, sua ambição falou mais alto e ele usou Pégaso para tentar chegar ao topo do Monte Olimpo, lar dos deuses. Quando Zeus viu Belerofonte subindo, mandou uma abelha para que picasse Pégaso, que chacoalhou tanto que derrubou Belerofonte, que ficou manco e passou a viver seus dias como mendigo. Após isso, Zeus colocou Pégaso no céu, para evitar que mais alguém tentasse subir ao Monte Olimpo de novo.




Dragão (Draco)


A constelação de Shiryu. O dragão oriental é diferente do dragão ocidental. Para começar, o dragão oriental não cospe fogo (apenas o representa), não tem aquelas asas gigantes de morcego e nem é maléfico, como nos contos ocidentais da Idade Média. O dragão oriental é praticamente um deus para eles, é um dos quatro animais invocados pelo Deus Criador da mitologia chinesa para criar o mundo.




Cisne (Cygnus)


Constelação de Hyoga. Essa constelação também é conhecida como Cruz do Norte ou Cruzeiro do Norte.




Andrômeda (Andromedae)


Constelação de Shun. Andrômeda foi uma princesa da Etiópia. Uma vez sua mãe, Cassiopeia, disse que sua filha era mais bonita que todas as nereidas, ninfas de Nereu, amigo de Posseidon. Então o deus dos mares, Posseidon enviou um monstro marinho gigante, Cetus para destruir toda a cidade. O único modo de evitar essa destruição seria entregando Andrômeda como sacrifício para Cetus. Andrômeda foi acorrentada a uma rocha no meio do oceano (é por isso que Shun tem uma corrente). Quando Perseu estava voltando para casa após matar a Medusa, ele viu Andrômeda amarrada e a libertou das correntes. Depois usou a cabeça decepada da Medusa para petrificar Cetus. A princesa se casou com Perseu e os dois viveram muitos anos juntos, e tiveram muitos filhos.




Fênix (Phoenix)


Constelação de Ikki. A fênix é um pássaro místico presente em várias mitologias, como grega, egípcia e chinesa. É sempre descrita da mesma forma: um pássaro do tamanho de uma águia, com penas douradas e relusentes, tinha a capacidade de erguer mais de 100 vezes o próprio peso, suas lágrimas tinham poderes de cura, e talvez sua característica mais fabulosa era a de que, quando morria, pegava fogo e depois renascia das cinzas.




Unicórnio (Monoceros)


Constelação de Jabu. O unicórnio era um dos animais mais bonitos que já existiram. Eram lindos cavalos brancos, fortes e rápidos, com um único chifre dourado em espiral na testa. Diziam que um chá feito com seu chifre tinha poderes curativos ilimitados, e por isso, segundo as lendas, os unicórnios foram extintos.




Lobo (Lupus)


Constelação de Nachi. O lobo, como todos devem saber, é o parente selvagem dos cachorros domésticos.




Hidra (Hydra)


Constelação de Ichi. A Hidra era uma serpente gigante da mitologia grega, com sete cabeças, sendo que a do meio era feita de bronze e cuspia fogo. A cada cabeça cortada da Hidra, nasciam três novas no lugar. Podia também cuspir um veneno mortal. Derrotar esta fera aparentemente imortal foi o segundo trabalho do semideus Hércules (Hércules era o nome dele para os romanos, os gregos o chamavam de Herácles, mas eu prefiro Hércules então vai ficar assim). Hércules contou com com a ajuda de seu amigo Iolaus, que, usando uma tocha, cauterizava os pescoços da Hidra assim que Hércules as cortava, evitando que nascessem mais. Por fim, usando sua força, Hércules soterrou o monstros. Depois de matá-la Hércules banhou suas flechas no veneno da Hidra.




Leão Menor (Leo Minor)


Constelação de Ban. Este não é o mesmo leão que está presente no nosso zodíaco, e sim uma outra constelação.




Ursa Maior (Ursa Major)


Constelação de Geki. Segundo a mitologia Grega, existia uma jovem muito bonita chamada Callisto. Zeus, um tremendo pegador, conseguiu conquistar Callisto estando disfarçado. Quando Callisto teve seu filho, Arcas, Zeus revelou que era um deus. Hera, a esposa de Zeus, ficou com muita raiva e transformou Calisto em um urso. Um dia, Callisto em forma de urso encontrou seu filho em uma mata enquanto ele caçava, e ela tentou abraçá-lo, mas ele não sabia que sua mãe era um urso e mirou a lança. Na hora do golpe Zeus levou os dois para os seus. Callisto é a Ursa Maior e Arcas a Ursa Menor (era pra ser urso, não?)





Camaleão (Chamaeleon)


Constelação de June. O camaleão é um animal muito especial e cheio de habilidades. Ele pode enxergar 360 graus graças a posição de seus olhos e a capacidade de movimentação que ele tem dos mesmo, uma língua enorme e pegajoso e talvez seu maior truque: mudar de cor para se camuflar.




Cavaleiros de Prata


Águia (Aquila)


Constelação de Marin. A águia era o símbolo de Zeus. É uma das aves mais fortes do mundo. Cheia de habilidades, como uma visão excelente, garras poderosíssimas que lhe dão a capacidade de pegar um peixe na água enquanto dá um rasante no ar.





Ofiúco (Ophiuchus)


Constelação de Shaina. É também chamada de Serpentário. Ela separa a constelação de Serpente em duas partes. Ofiúco (também chamado de Asclépio) era o filho de Apolo que tinha grandes dons médicos, e diziam até que ele podia ressuscitar os mortos. Hades, que necessitava da morte das pessoas, acusou Ofiúcio de destruir a ordem natural da vida e da morte, e pediu a Zeus que o matasse. Então Zeus o colocou no céu com uma serpente, símbolo da vida renovada.




Lagarto (Lacerta)


Constelação de Misty. 




Baleia (Cetus)


Constelação de Mozes. Como eu citei lá em cima, Cetus era um enorme monstro marinho, semelhante a uma baleia. Era uma das principais armas do deus Posseidon.




Centauro (Centaurus)


Constelação de Babel. Os centauros eram uma raça mística, da cintura para cima humanos e da cintura para baixo cavalos. A maioria dos centauros era violenta, gostavam de festas e de guerrear, mas alguns eram diferentes, como Quíron. 




Cavaleiros de Ouro


Áries


Constelação de Mu. Um rei chamado Atamas teve dois filhos com a deusa das nuvens, Nefele, chamados Frixo e Hele. Mas o rei se casou e a nova madastra odiava as crianças, então planejou matá-las. Mas Nifele mandou um carneiro que voava sem asas, cuja lã era dourada e tinha longos chifres em forma de meia lua. Mas na travessia de um enorme mar, Hele caiu e se afogou. Quando chegou a um lugar a salvo, Frixo sacrificou o carneiro e pendurou sua pele e lã em uma árvore muito alta, guardada por um dragão em um bosque de Ares, deus da guerra. O velo permaneceu lá até Jasão e seus Argonautas o pegarem. o carneiro foi transformado em constelação no céu.




Touro (Taurus)


Constelação de Aldebaran. Existia uma princesa muito bonita chamada Europa, e como todas as mulheres bonitas atraem Zeus, o poderoso deus não poderia ficar fora dessa. Mas Europa recusava todos os homens em que Zeus se transformava. Até que um dia ele se transformou em um touro branco. Europa ficou encantada com o touro e começou a enfeitar seus chifres, foi quando Zeus a colocou sobre suas costas e fugiu com a princesa. Seus parentes começaram a procurar todo lugar, e dizem que o continente europeu tem seu nome, já que o nome "Europa" era muito ouvido porque os parentes da princesa não paravam de gritar e então resolveram colocá-lo. Depois de seu feito, Zeus colocou a imagem de um touro nos céus.O  




Gêmeos (Gemini)


Constelação de Saga. Uma vez, Zeus se apaixonou por uma mortal chamada Leda (esse Zeus é demais!). Para chamar a atenção da mulher ele se transformou em um belo cisne. Então, transformado, ele conseguiu... com Leda. Desta relação bizarra nasceram Clitemnestra, os gêmeos Castor e Pólux e Helena (que futuramente seria a conhecida Helena de Troia). Pólux e Helena eram filhos de Zeus, e os outros dois eram filhos do marido de Leda. Castor e Pólux foram treinados muito bem em lutas, e resgataram sua irmã da primeira vez que foi sequestrada, desta vez pelo Príncipe Teseu. Certo dia, os gêmeos desafiaram uma dupla de jovens, sendo que os vencedores ficavam com duas mulheres. Nesta batalha, Castor foi morto. Pólux tentou se matar para reencontrar o irmão, mas ele era imortal. Então Zeus colocou os dois no seu, como a constelação de Gêmeos.




Aquário (Aquarius)


Constelação de Camus. Zeus era tão pegador que uma vez, observando a Terra, avistou Ganímedes, um príncipe de Troia, e se apaixonou pelo jovem. Ele rapidamente se transformou em uma águia e levou Ganímedes para o Monte Olimpo, onde o jovem passou a ser o "garçom" dos deuses. Para que ele continuasse lá, Zeus lhe presenteou colocando uma constelação em sua homenagem no céu.





Leão (Leo)


Constelação de Aioria.




Câncer (Cancer)


Constelação de Máscara da Morte. Quando Hércules lutava contra a Hidra, Hera viu que o herói estava ganhando e então mandou um caranguejo gigante, um carcino, para ajudar a Hidra. Mas Hércules o derrotou apenas com um pisão. Mesmo assim, Hera o recompensou por sua lealdade e o transformou em constelação.




Virgem (Virgo)


Constelação de Shaka. Ela é Astreia, a filha virgem da deusa da Justiça, Têmis, que também era uma personificação da justiça. Ela ensinava as pessoas a serem boas, mas ficou muito desapontada ao ver os atos cruéis e irresponsáveis dos humanos na Terra e então foi para o céu para sempre, onde virou constelação.



Libra


Constelação de Dohko. É a balança de Astreia, que junto com esta última foi para o céu para sempre. A balança representa que, para a justiça, os dois lados são iguais. 


Escorpião (Scorpius)


Constelação de Milo. É o escorpião que perseguiu Órion a mando de Apolo. (A história de Órion, eu vou explicar melhor lá em baixo).




Sagitário (Sagittarius)


Constelação de Aiolos. Esta é a constelação que representa o centauro mais famoso de todos, Quíron, que era médico, astrônomo, músico, poeta e treinador dos heróis, como Aquiles, Jasão e Hércules. Uma vez, quando guerreava ao lado de Hércules contra centauros que os atacavam, o herói acidentalmente atirou uma das flechas envenenadas em Quíron. Como era imortal, o centauro estava condenado a vagar pela Terra sofrendo, então Zeus se apiedou e o transformou em constelação, para que seu sofrimento acabasse.




Capricórnio (Capricornus)


Constelação de Shura. Quando Cronos ainda governava o universo, sua esposa Reia estava chateada e irritada com o marido, que, para evitar ser destronado, engolia todos os filhos. Então Reia escondeu o seu caçula e deu uma pedra enrolada em panos para Cronos comer, e ele nem percebeu. Então ela mandou o pequeno Zeus para uma ilha, onde ele foi cuidado e treinado por ninfas, enquanto era alimentado pela cabra Amalteia. Quando a cabra morreu, Zeus a colocou no céu e usou sua pele para cobrir seu escudo, o mais forte do mundo, o Égide (ou Aegis).




Peixes (Pisces)


Constelação de Afrodite (a amazona, não a deusa). Quando o temível e monstruoso Tifão atacou o Monte Olimpo, alguns deuses se transformaram em animais para se esconder, apenas Atena e Zeus ficaram para lutar. Afrodite e seu filho, Eros (os romanos o conhecem como Cupido), se transformaram em peixes, e este momento foi eternizado no céu.






Bem pessoal, estou terminando a primeira parte aqui. Estou morrendo de sono, mas finalmente terminei a postagem para vocês. Agora estou indo dormir porque tenho aula amanhã! Tchau!


Até a próxima postagem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário